Visita Encydia-Wikilingue.com

Novo Testamento

novo testamento - Wikilingue - Encydia

Arquivo:Francisco de Enzinas-Novo Testamento.001.jpg
O Novo Testamento traduzido por Francisco de Enzinas.

O Novo Testamento é a parte da Biblia cristã composta por um conjunto canónico (autorizado) de livros escritos após o nascimento de Jesús de Nazaret. Designa-se-lhe assim desde Tertuliano na Igreja cristã. Ao invés do Tanáj ou Antigo Testamento, os cristãos não têm esta parte da Biblia em comum com os judeus.

O uso do termo "testamento", prove do hebreu berit ("aliança", "pacto", "convênio" ou "disposições entre duas contratantes") através do grego diathéké e do latín testamentum. Por tanto, em seu significado original é o de Nova Aliança, Novo Pacto ou Novo Convênio.

As versões mais antigas de textos do Novo Testamento que se conservam estão escritas no grego denominado koiné, a lingua franca no Mediterráneo Oriental em época romana. A maioria dos especialistas acha que este foi o idioma em que originalmente se redigiram, ainda que alguns livros possam se ter escrito primeiro em idioma hebreu ou arameo, a língua semita falada por Jesús e seu meio. No entanto, não existem manuscritos antigos do Novo Testamento escritos em hebreu nem também não em arameo.

Segundo as testemunhas de Jehová, o termo "Novo Testamento" não é adequado para referir a esta secção da Biblia. Preferem chamá-lo Escrituras Gregas Cristãs. Por outra parte, segundo A página do idioma espanhol o nome Antigo e Novo Testamento para designar as partes em que se divide a Biblia prove de um erro dos tradutores latinos da versão grega da Biblia, quem traduziram como testamentum a palavra grega diatheké, que podia significar, em realidade, duas coisas: ‘desejo’ ou ‘vontade’, e também ‘acordo’ ou ‘convênio’. O nome da Biblia em grego refere-se ao antigo e ao novo convênio de Deus com os homens e não a um testamento, o que não teria o menor sentido. Por tanto as religiões conservam o nome talvez por tradição.


Conteúdo

Composição do Novo Testamento

A composição do Novo Testamento canónico fixou-se pouco a pouco nos primeiros séculos da nova religião. A lista mais antiga supõe-se redigida para o ano 170 A lista actual foi publicada originalmente por Atanasio de Alejandría em 370 e consagrada como canónica no Terceiro Concilio de Cartago de 397 . As disputas sobre a composição não cessaram por isso. Martín Lutero questionou a pertinencia de incluir a Epístola de Santiago, a Epístola de Judas, a Epístola aos Hebreus e o Apocalipsis de Juan ou Livro da Revelação; ainda que finalmente, a diferença dos deuterocanónicos do Antigo Testamento, não foram nunca recusados.

O Novo Testamento compreende os quatro Evangelhos canónicos, os Factos dos apóstoles, as epístolas de Pablo de Tarso, sete epístolas de diversa atribuição e o Apocalipsis, como se pode observar no esquema que se encontra a seguir.

Compreende, ao todo, 27 livros:

Ordem Livro Abreviatura Nº Capítulos
1 Evangelho de Mateo Mt. 28
2 Evangelho de Marcos Mc. 16
3 Evangelho de Lucas Lc. 24
4 Evangelho de Juan Jn. 21
5 Factos dos apóstoles Hch. 28
6 Epístola aos romanos Rom. 16
7 Primeira epístola aos corintios 1 Cor. 16
8 Segunda epístola aos corintios 2 Cor. 13
9 Epístola aos gálatas Gal. 6
10 Epístola aos efesios Ef. 6
11 Epístola aos filipenses Flp. 4
12 Epístola aos colosenses Col. 4
13 Primeira epístola aos tesalonicenses 1 Ts. 5
14 Segunda epístola aos tesalonicenses 2 Ts. 3
15 Primeira epístola a Timoteo 1 Tim. 6
16 Segunda epístola a Timoteo 2 Tim. 4
17 Epístola a Tito Tit. 3
18 Epístola a Filemón Flm. 1
19 Epístola aos hebreus Heb. 13
20 Epístola de Santiago Stg. 5
21 Primeira epístola de San Pedro 1 P. 5
22 Segunda epístola de San Pedro 2 P. 3
23 Primeira epístola de San Juan 1 Jn. 5
24 Segunda epístola de San Juan 2 Jn. 1
25 Terceira epístola de San Juan 3 Jn. 1
26 Epístola de San Judas Jud. 1
27 Apocalipsis de San Juan Ap. 22

Os manuscritos do Novo Testamento

Papiros

Existem cerca de cem papiros com fragmentos do Novo Testamento.

Papiro Rylands

O papiro Rylands (P52) é o mais antigo dos manuscritos que se encontraram dos quatro evangelhos canónicos. Descobriu-se no deserto do Egipto. Publicou-se em 1935 . Contém alguns versículos do capítulo 18 do evangelho de Juan (Jn 18,31-33.37-38). Segundo o estudo grafológico é anterior ao ano 150 (costuma datar-se para 125-130).

Papiro Magdalena Gr 17

Foi encontrado em uma Loja de Antigüedades em Luxor, Egipto no final do século XIX. Foi adquirido por um sacerdote chamado Charles Bousfield Huleatt quem depois de sua morte doou o Papiro ao Colégio Magdalena de Oxford onde passou a se denominar Gr 17.

Papiros Bodmer II

Do conjunto de cinco papiros Bodmer (P66, P72, P73, P74 e P75) que se conservam na Biblioteca de Cologny, em Genebra, destaca o P66. Encontrado no Egipto e datado para o ano 200, contine catorze capítulos do evangelho de Juan.

Por sua vez, o papiro P75, datado no século III, contine os evangelhos de Lucas e de Juan.

Papiros Chester Beatty

São três papiros (P45, P46 e P47) escritos dantes do ano 250. Contêm fragmentos das epístolas de Pablo, do Apocalipsis e dos evangelhos.

Pergaminos

Códice Vaticano

Data de mediados do século IV.

Códice Sinaítico

De mediados do século IV.

Códice Alejandrino

Do século V

Códice de Efrén

Do século V.

Códice Bezae

Do século V. Só contém os Evangelhos e os Factos dos Apóstoles. O texto dos Factos difere algo de outras versões.

Códice Freer

Do século V. Só contém os Evangelhos.

Séculos V a XV

Séculos XV-XIX

Estas duas versões são fundidas por Robert Estienne. A quarta edição desta publicação é a utilizada, a partir de Teodoro de Beza até finais do século XIX

Desde o século XIX

Descobre-se o códice sinaítico (K. Tischendorf, 1859). Os códices Sinaiticus e Vaticanus dão lugar aos textos actuais.

Terceiro Concilio de Cartago

No ano 397 o papa Siricio convoca o terceiro concilio de Cartago onde se impõe a vulgata (tradução da Biblia ao latin vulgar realizada por San Jerónimo do 382-405) e finalmente se edita o novo testamento, elegendo entre mais de uma centena de evangelhos, epístolas e quase mil cartas as quais vão formar o novo testamento.

Veja-se também

Enlaces externos

Obtido de http://ks312095.kimsufi.com../../../../articles/c/ou/m/Comunicações_de_Andorra_46cf.html"